Exercícios integrados são aqueles que trabalham diversas partes do corpo ao mesmo tempo. No Treinamento Funcional a maioria dos exercícios são integrados, porém alguns são mais perceptíveis do que outros.

Esses exercícios nos trazem uma gama de benefícios à condição física e à estrutra do corpo, tornando-o mais forte de um ponto de vista global. Mas devem ser encaixados de forma criteriosa e organizada nos programas de treinamento.

Todos os indivíduos que praticam o Treinamento Funcional executam exercícios integrados constantemente, e têm um potencial de geração de força, consciência corporal, sincronismo muscular e coordenação motora bem desenvolvidos. E todos eles percebem as melhoras dessas capacidades físicas nas suas funções diárias, desde à dona-de-casa ao atleta de alto rendimento.

As sessões de treino onde se realizam exercícios integrados são mais dinâmicas, gastam mais calorias e deixam o corpo mais inteligente. Fazem uma grande quantidade de músculos trabalharem de forma sinérgica para que o movimento seja executado de forma correta, ou seja, é realmente um trabalho em equipe onde todos trabalham para o mesmo fim.

Nosso corpo, nossas funções fisiológicas trabalham o tempo todo de forma sincronizada, integrada. Portanto, vamos treinar movimentos e não somente músculos.

Abaixo seguem algumas dicas de exercícios integrados para tornar seu corpo mais inteligente:

Neste exercício, você deve primeiro afundar, e quando subir puxar o elástico pra você. Faça 3 séries de 10 repetições para cada lado.

Aqui, você vai primeiro agachar, quando subir puxe os pesos rente ao corpo, e logo em seguida, quando os pesos chegarem até os ombros, empurre-os acima do corpo. Para dificultar finalize-o com os pés estendidos. Faça 3 séries de 8 repetições.

O contato do homem com a natureza sempre foi, e sempre será, de importância vital para a sobrevivência humana na Terra. Há algum tempo têm se lutado muito para que haja uma conscientização coletiva, onde o respeito à Natureza deve ser sagrado. O Trekking, assim como outros esportes de aventura nos proporcionam esse contato e o respeito que devemos ter com o meio-ambiente. Afinal de contas, quando estamos nas entranhas da Natureza é que ela se apresenta de forma majestosa, e aí percebemos a dificuldade que é superar suas trilhas íngrimes, passar no meio de suas pedreiras, vencer os seus terrenos totalmente acidentados, dentre outros obstáculos enormes que nos desafiam a todo momento.

Para podermos superar esses desafios que nos são impostos no Trekking, devemos ter um bom preparo físico. E o método do Treinamento Funcional se apresenta como a melhor alternativa para isso, onde todas as capacidades físicas serão trabalhadas, e todos os músculos e movimentos exigidos no Trekking serão treinados.

Os trekkers que treinam de forma específica, utilizando o método do Treinamento Funcional, são os que têm melhor desempenho nas provas. Não estamos falando só daqueles que são atletas de alto nível, mas também daqueles que tem o Trekking como um lazer, e que podem sim se utilizar desse tipo de treino específico para se condicionar porque querem aproveitar bem o seu contato com a natureza, curtir cada momento com uma boa performance e terminar a prova se sentindo melhor do que quando a começou. 

Abaixo seguem algumas dicas de exercícios básicos do Treinamento Funcional para o Trekking. Agora é só treinar e sentir a difereça na próxima prova:

Faça 3 séries de 15 repetições

Faça 3 séries de 10 repetições para cada perna

Faça 3 séries de 20 segundos para cada lado

 

Faça 3 séries de 15 repetições