Em épocas remotas, o homem necessitava do corpo e da sua desenvoltura física para sobreviver. Todas as suas atividades, desde as mais simples às mais complexas, dependiam de um rendimento físico satisfatório, tendo em vista o ambiente extremamente hostil ao qual era submetido.

Todos os recursos que o nosso corpo dispõe hoje são idênticos aos do homem primitivo. Padrões de movimentos, habilidades motoras e sistemas fisiológicos são exatamente os mesmos em épocas atuais e primitivas. A grande diferença é que hoje em dia, nós utilizamos a atividade física de forma sistematizada e metodológica, de maneira esportiva ou recreativa, organizada dentro das mais diversas técnicas, buscando sempre qualidade de vida, bem-estar e performance. Totalmente diferente do homem primitivo, que utilizava as ferramentas do corpo de uma forma aleatória, somente para a realização das suas necessidades primordiais – que eram física e demasiadamente exigentes – e, sobretudo, para a sua sobrevivência.

Advertisements